Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2017

SexY MaChInE Not

Imagem
De tempos em tempos eu venho com esse assunto aqui que muito me incomoda, e se bobear tem post ai falando sobre esse mesmo assunto, mas nunca é demais falar, quem sabe entra na cabeça desses desinteressados de uma vez por toda.
Primeiramente não sou brinquedo, do qual você vem se diverte , passa seu tempo  e depois mete o louco, ou some, sou ignora, ou melhor se diz apaixonado por sua esposa /Namorada Segundo , não sou uma maquina sexual, do qual exerce o poder de Mulher Fatal 24hrs por dia  nos 365 dias do ano, usa calcinha fio dental o tempo todo, dorme pelada ou com camisolas transparentes de renda, sempre perfeita e pronta , NÃO EU NÃO SOU, pelo amor de Deus...

Vou deixar aqui que sim eu adoro sexo, faria todos os dias sem o menor problema, quem me acompanha aqui desde solteira sabe que tinha uma vida mais que ativa, e amava isso ( algo que sinto uma mega falta) pois era uma aventura atrás da outra sem medir consequências .
Mas tirando isso, eu sou uma mulher, humana, de carne e…

SAuDoSa MAloKa

Imagem
Hj recebi de uma amiga uma playlist  no Spotify da antiga balada aqui de Sampa a Pucci , lugar de gente rica, fútil e bonita, ficava ali no Jardins, point da playboysada dos anos 90. Eu sempre dura  mas bancando a rica no meio da galera viajada e de carros importados, e eu ali sonhando com aquela vida, achando que minha felicidade vinha dali, um marido rico, vida fácil e muito álcool... E como disse essa minha amiga, a playlist vem com um boy do qual eu curti muito na época, mas nesse época não era só curtição? Sim pelo menos pra mim representava assim, noite irrigada de álcool, sexo e gente fútil.  Eu uma simples garota da periferia que procurava seu lugar ao sol , insegura e muita vezes sem amor próprio o suficiente pra aguentar tanta gente idiota ao mesmo tempo, gente que fase!!!
Quando volto nesse tempo entro em um crise existencial , foi uma fase de humilhação e provação, mas eu acreditava ser bacana e ideal ...  Deixei tanta coisa boa escapar das minhas mãos por insegurança, ban…