Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2017

VergONha na CarA

Imagem
Uma das coisas que sempre valorizei nessa vida foi  “vergonha na cara”, falta de amor próprio perdi , achei, perdi de novo,  e agora guardo a 7 chaves. Ultimamente esta insuportável sobreviver nos dias de hoje com tanta maldade, falta de respeito e o pior vergonha na cara! Como disse meu amigo, matando 3 leões por dia e umas 5 piranhas juntas. Sim essas piranhas, deus meu, conforte minha alma, por que esta difícil lidar com tanta inveja, falta de amor próprio e falsidade. Lendo os livros espiritas eu sei que desde que o mudo é mundo a maldade , inveja  e falta de amor impera, mas pera lá, isso foi a séculos atrás, não teríamos que evoluir, amar uns aos outros ? Sinto que vivemos em uma trágica regressão, caminhando as passos largos de atraso mental e espiritual. Na boa , não faço parte desse mundo, isso é fato! A pessoa se diz sua amiga, manda um email para o seu  trabalho acabando com vc para seu superior imediato, afim nada menos do que pegar o seu lugar. Mas espera ai... Você sabe…

O eMpODerAmentO

Imagem
Vejo tantas mulheres atrás do PODER DO FEMININO( sim estou falando disso de novo) quando  todo esse poder esta nela mesma. Não da pra acreditar que tem mulheres em pleno século 21 atrás de curso pra se descobrir. Embora eu sofri muito (e sofro) de baixa alto estima, sempre tentei  segurar a onda e mostrar o meu poder, provar jamais, mostrar sempre. A dança me favoreceu em muitos sentidos e sou super grata a isso, mas tem algo que me assusta nisso tudo, ando percebendo que ela anda me levando pra fantasias alheias e afins. No restaurante em que danço, as vezes discretamente observo olhares masculinos em cima de mim, chegam até endeusar , como se fosse algo sobrenatural . Ok a dança é sensual, mas não pra tanto, sei que trabalho em  um conjunto de sonhos, corpo, arte e beleza, mas ai vem o  lance do sexy apple  que sempre tentei camuflar dentro de mim, e agora com a dança isso veio a tona numa velocidade devastadora. Como lidar com isso se livrando da vulgaridade mas tirando proveito p…