"MUlHer - hOmeN"

Descobrir que sou uma “mulher homem” chega a ser frustrante, e foi hoje lendo um texto muito divertido que a realidade veio à tona! Sou exatamente o que ele descreve, a que escolhe o restaurante, a comida, o dia e o horário. Pratica corrida e tem todos os gostos e opiniões consolidadas: música, cinema, literatura, filosofia etc. Quando quer algo não pede, vai e faz, sem o menor pudor! A mulher-homem não aceita ser conduzida, não se entrega, dificilmente é rendida. Eu nunca tinha percebido isso, até por que com a vida que levo, é super normal, um meio de sobrevivência, algo de proteção própria...... E olha que eu já ouvi que sou o homem da relação, mas nada além do que achar engraçado a situação. E o melhor do texto é que Gustavo Gitti, ainda das dicas de como conquistar essa mulher, e o pior de tudo que ele acertou? Tudim, tudim..... MEDA DO GUSTAVO GITTI

Comentários

  1. Tenha medo não. Sou só um menino. ;-)

    Engraçado seu post. Engraçado e leve, como a vida deve ser.

    Bjo.

    ResponderExcluir
  2. Nossa, eu li o artigo mas não vi relação exata comigo em nenhum deles... Muitas vezes eu sou Mulher-Homem - na maioria das vezes, diga-se de passagem, mas sinto necessidade de ser conduzida... Parece que chega uma hora em que eu preciso de uma pausa!!!
    Algumas vezes eu sou Mulher-pastel e quero sair de chinelo e sem maquiagem, e algumas vezes eu sou a Mulher-Puta!! Depende do dia... Acho que no fim das contas, todas nós somos um misto, né?? O que muda é o padrão dominante...

    ResponderExcluir
  3. eu tenho meus gostos bem definidos, mas adoro ser a "mulher" da relação.
    Por mim a pessoa pode pensar em qual restaurante ir ou qual programa fazer, se não for assim, eu fico entre 30 restaurantes e várias coisas para fazer e não decido nada.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

É com vc Sexy.

Postagens mais visitadas deste blog

SexY MaChInE Not

VergONha na CarA

OnDe ReboBiNA